Visitar Paris

Paris: a cidade do amor, das luzes e da arte! Se é verdade que “teremos sempre Paris”, nada melhor do que ir bem preparado. Aqui ficam algumas dicas para Paris, para que possa aproveitar ao máximo! Já agora, este é um texto que requer uma banda sonora apropriada. Aqui fica a nossa sugestão. Que a viagem a Paris, comece!

Os bares secretos de Paris

bares

Quanto mais escondido, melhor! A lembrar os tempos da Lei Seca nos Estados Unidos, são cada vez mais populares os pubs de aura clandestina, pouca luz e muito jaz, localizados atrás da loja do kebab ou a três metros da cabine telefónica! O objectivo é beber e o nosso favorito é o Moonshiner, aliás, os cocktails do Moonshiner!

Picnic na Torre Eiffel

torre eiffel paris

Comece por ir até ao mercado mais próximo e por comprar um bom vinho e um bom queijo, bem à francesa. Depois, ao fim do dia e antes do pôr-do-sol, dirija-se com o seu “farnel” gourmet até aos jardins que rodeiam a Torre Eiffel – um must do turismo de Paris. Estenda a toalha, sinta a relva fresca nos pés descalços e entre um gole de vinho e uma mordida no queijo, voilá, vive a “vie en rose”! Se tem a sorte de estar bem acompanhado(a), podemos garantir-lhe que a felicidade é (também) isto!

Poupe dinheiro nos transportes

metro paris

Se vai visitar Paris durante quatro ou mais dias, considere seriamente comprar o passe de transportes de Paris. O bilhete é válido para autocarros, comboios e para o metro de Paris. É só fazer as contas e verá como poupa em transportes públicos! Paris é grande e além disso, acredite, não vai querer aventurar-se no trânsito de Paris, sobretudo em dias de chuva ou em horário de ponta!

Tenha a Notre Dame só para sicatedral notre dame paris

Como? Levantando-se bem cedo! Pela manhã, são poucos os turistas que se aventuram a visitar a Catedral de Notre Dame, uma das principais atrações turísticas de Paris. Evite filas e esperas, selfie sticks e tenha Notre Dame só para si – o espaço abre ao público às 8h00.

O melhor local para alugar uma bicicleta em Versalhes

versalles paris

Se vai a Versalhes, aconselhamos-lhe a alugar uma bicicleta. Só os jardins ocupam uma área de cerca de 800 hectares! No Turismo de Versalhes, é possível alugar uma bicicleta durante todo o dia por cerca de 17 euros, sendo que o tempo mínimo é de meia hora e custa 4,50 euros.

Não perca os mercados

crepes paris

A qualidade dos ingredientes franceses é um dos maiores orgulhos da tão aclamada gastronomia francesa. Assim sendo, visitar um mercado é obrigatório. Pergunte a um local ou siga a nossa sugestão e visite o Marche des Enfants Rouge. Frutas, vegetais, queijos, vinhos, enchidos e muito mais! O mercado possui também pequenos bares/restaurantes, onde poderá sentar-se e: COMER!
No que toca a street food em Paris, os crepes (sejam com doce, queijo, Nutella ou morangos) estão no topo das preferências – ou pelo menos das nossas! As baguettes, os croissants ou os pains au chocolat são outras delícias que não pode perder! Experimente também as galettes, uns crepes salgados da região da Bretanha.

Arte! Arte por todo o lado! E grátis!

Uma foto publicada por sofia (@sofiamaced0) a

Não é preciso ser um entendido em arte, para ficar maravilhado com a colecção impressionista do Musee d’Orsay. Também não é preciso saber muito sobre joalharia, para apreciar a colecção de jóias de Napoleão, no Louvre. E muito menos saber tudo sobre arquitectura, para admirar as linhas modernistas do Pompidou ou da arte urbana que o rodeia! Conhece a expressão “à grande e à francesa”? Em Paris ela ganha totalmente sentido, basta passear pelas ruas e admirar a arquitectura e os momentos de Paris. Quase todos os museus oferecem horários com visitas grátis. Informe-se online, no site de cada museu.

Para francês ouvir

paris

“Salut” (olá), “bonjour” (bom dia), “au revoir” (adeus), “merci” (obrigado) e “s’il vous plaît” (por favor)! Mesmo que não fale francês, uma palavrinha fica sempre bem. Os franceses, mesmo os mais duros, gostam e apreciam.